VOCAÇÃO

Chamado por Deus

A palavra “vocação” significa “ser chamado”. Deus nos criou e nos chama a cada um de nós para sermos santos, a ser seus filhos adotivos, a servir e amar aos demais, e na última instância, a estar com ele no céu por toda a eternidade. Embora este seja um chamado universal dirigido a cada pessoa, Deus também criou cada pessoa, dotando-as de uma grande quantidade de dons e talentos que têm um enorme potencial para serem exercidos dentro de um estilo de vida particular. As diversas formas de vocação que Deus nos oferece são: a vida religiosa, a ordenação presbiteral, a vida matrimonial e a vida de solteiro.

 

Image
Discernimento

O discernimento é um processo de busca ativa para conhecer a vontade de Deus em nossa vida. Se queremos saber algo de alguém, o que fazemos? Em primeiro lugar, lhe perguntamos e logo escutamos sua resposta. Assim também passa com Deus. Em primeiro lugar deves perguntar e logo deves escutar sua resposta. A esta comunicação entre Deus e nós, chamamos de oração. Frequentemente, a parte mais difícil para nós é a de escutar, porque em geral não se escuta uma voz que nos fala. Por isso devemos estar abertos e prontos para que Ele nos fale de outras maneiras. Isto poderia ser através de outras pessoas, através de eventos ou através de uma sincera reflexão. Deus nos fala frequentemente. Nem sempre o escutamos.

O discernimento é uma forma ativa e metódica de oração. Também se recomenda dar outros passos: ter um acompanhante espiritual, informar-se sobre as diversas vocações, falar com pessoas que vivem de uma forma alegre e ativa sua vocação, visitar seminários ou comunidades religiosas, comprometer-se no apostolado a serviço dos demais.

A oração é importante para todas as vocações, não só para a vida religiosa consagrada ou para o sacerdócio. Os que se sentem chamados devem falar com Deus e escutá-lo. Quando a oração não é um ponto importante no cultivo de tua vocação, nada funciona. É como se uma criança quisesse se converter em adulto sem escutar os seus pais e nem dialogar com eles. A oração é uma comunicação com Deus e não só um falar com ele. A verdadeira comunicação compreende falar e, o mais importante, escutar. Em uma palavra: a oração é muito importante para cada vocação. Talvez seja a parte mais importante de uma vocação.

Porque eu me tornei Salvatoriano?

Religiosos consagrados

O Papa João Paulo II escreveu em sua exortação apostólica Vida Consagrada: “Ao longo dos séculos nunca tem faltado homens e mulheres que, dóceis ao chamado do Pai e à ação do Espirito, têm escolhido este caminho de especial seguimento de Cristo, para dedicar-se a Ele com coração “Indiviso” (cf. 1Co 7,34). Também eles, como os Apóstolos tem deixado tudo para estar com Ele e colocar-se, como Ele, a serviço de Deus e dos irmãos. Deste modo, tem contribuído na manifestação do mistério e da missão da Igreja com os múltiplos carismas de vida espiritual e apostólica que lhe distribuiu o Espirito Santo, e por ele tem cooperado também na renovação da Sociedade”.

Ser uma pessoa religiosa significa dedicar-se solenemente a Cristo com coração indiviso através dos votos religiosos.

Que é um voto?

Um voto é um compromisso total e de sacrifício a Cristo que é a ligação para sempre. É uma expressão de um grande amor por meio do qual a pessoa que o assume, tem a oportunidade de viver uma incrível liberdade ante as prisões deste mundo, para que possa crescer mais próximo da alegria do mundo futuro. Os votos mais utilizados nas comunidades religiosas são conhecidos como os conselhos evangélicos. Estes são os votos de castidade, de pobreza e obediência.

Nem todo mundo está pronto para seguir a Cristo na vida religiosa, mas tem muitos que são chamados por Deus para conhecê-lo, amá-lo e servi-lo de uma maneira especial e única. Para muitas pessoas esses votos poderiam ser difíceis de entender, mas para aqueles que se apaixonaram por Deus e tem escutado o seu chamado para a vida religiosa, estes votos são expressão do amor pessoal a Deus e aos outros na comunidade religiosa.

 

Como Salvatorianos, estamos cumprindo o chamado de Deus na nossa vida consagrada mediante estes votos no interior da vida apostólica.

Porque eu me tornei Salvatoriano?

Para ser Salvatoriano

formation

Que significa ser Salvatoriano?

A vida religiosa Salvatoriana é uma maneira de viver o seguimento de Jesus como Salvador do mundo. Ser religioso Salvatoriano é crer na vida, é confiar na ação de Deus, é estar cheio de esperança, é cultivar ideais nobres, é envolver a todos na construção de um mundo melhor. O Salvatoriano é aquele que se sente salvo por Jesus, já que Ele é seu amigo, irmão e Senhor e por isso quer conduzir outros à salvação.

Porque Irmão – sacerdote – diácono?

Religioso Salvatoriano Irmão
O Irmão Religioso é uma pessoa que se consagra a Deus mediante os votos de castidade, obediência e pobreza, entregando-se por completo a Deus com todo seu coração e sua vida. O Irmão religioso Salvatoriano pode contribuir para a salvação das pessoas trabalhando na formação de líderes leigos, na educação formal, na direção espiritual, na pastoral juvenil, nos meios de comunicação. O Irmão religioso é aquele que por meio de sua consagração descobre novas formas de conduzir as pessoas a Jesus.

Perguntas e Respostas

Quem é o Padre Francisco Maria da Cruz Jordan?

O Padre Jordan era um jovem sonhador que desde muito cedo olhava o mundo e sonhava com uma realidade melhor. Por esta razão, foi ordenado sacerdote e começou a sonhar com algo maior. Sonhou que todas as pessoas queriam conhecer a Jesus, nosso Salvador, e por isso fundou a Sociedade do Divino Salvador (1881). O Pe. Jordan era um homem que amava a vida, o mundo, a Igreja e Deus. Que o Pe. Jordan siga sonhando conosco.

Estágios do Formação

formation asia
Postulantado

O postulantado é um período de preparação para o noviciado em que a Sociedade e o postulante têm a oportunidade de se conhecer mutualmente. Portanto, o postulante e a comunidade começam um processo de discernimento mútuo para ver se o Salvador está chamando o postulante à vida apostólica salvatoriana. Com a finalidade de ajudar o postulante e a comunidade neste discernimento, o postulante recebe instrução básica sobre a origem da Sociedade, sua história e sua vida apostólica.

O postulante também recebe instrução e participa nos programas e atividades que o ajuda a progredir em sua formação humana, intelectual e cristã. Além do mais, o postulante começa sua formação Salvatoriana formal mediante o desenvolvimento de sua capacidade de viver em comunidade e de ter alguma experiência do ministério apostólico.

Apoiar apostolados

Descubra como fazê-lo.

Assine o Newsletter

Receba notícias ocasionais.

Pe. Francisco Jordan SDS

Founder

Pensamentos do Fundador

Nem traição, nem infidelidade, nem frio, nem desprezo, nada arrefeça o teu zelo!

Grandes Salvatorianos

SDS

Casa Mãe

Motherhouse

Curia Generalizia

Via della Conciliazione, 51
I - 00193 ROMA, ITALIA

Ufficio Roma, 47
Casella Postale 102
00193 ROMA, ITALIA

Policy:   PRIVACY || COOKIES
Política de Privacidade e Cookies

Este site usa cookies que são necessários para o seu funcionamento e necessários para atingir seus objetivos.
Ao aceitar isso, você concorda com nossa política de privacidade e cookies.