Fale Conosco           

A palavra “vocação” significa “ser chamado”. Deus nos criou e nos chama a cada um de nós para sermos santos, a ser seus filhos adotivos, a servir e amar aos demais, e na última instância, a estar com ele no céu por toda a eternidade. Embora este seja um chamado universal dirigido a cada pessoa, Deus também criou cada pessoa, dotando-as de uma grande quantidade de dons e talentos que têm um enorme potencial para serem exercidos dentro de um estilo de vida particular. As diversas formas de vocação que Deus nos oferece são: a vida religiosa, a ordenação presbiteral, a vida matrimonial e a vida de solteiro.

 

Discernimento

O discernimento é um processo de busca ativa para conhecer a vontade de Deus em nossa vida. Se queremos saber algo de alguém, o que fazemos? Em primeiro lugar, lhe perguntamos e logo escutamos sua resposta. Assim também passa com Deus. Em primeiro lugar deves perguntar e logo deves escutar sua resposta. A esta comunicação entre Deus e nós, chamamos de oração. Frequentemente, a parte mais difícil para nós é a de escutar, porque em geral não se escuta uma voz que nos fala. Por isso devemos estar abertos e prontos para que Ele nos fale de outras maneiras. Isto poderia ser através de outras pessoas, através de eventos ou através de uma sincera reflexão. Deus nos fala frequentemente. Nem sempre o escutamos.

O discernimento é uma forma ativa e metódica de oração. Também se recomenda dar outros passos: ter um acompanhante espiritual, informar-se sobre as diversas vocações, falar com pessoas que vivem de uma forma alegre e ativa sua vocação, visitar seminários ou comunidades religiosas, comprometer-se no apostolado a serviço dos demais.

A oração é importante para todas as vocações, não só para a vida religiosa consagrada ou para o sacerdócio. Os que se sentem chamados devem falar com Deus e escutá-lo. Quando a oração não é um ponto importante no cultivo de tua vocação, nada funciona. É como se uma criança quisesse se converter em adulto sem escutar os seus pais e nem dialogar com eles. A oração é uma comunicação com Deus e não só um falar com ele. A verdadeira comunicação compreende falar e, o mais importante, escutar. Em uma palavra: a oração é muito importante para cada vocação. Talvez seja a parte mais importante de uma vocação.

 

Não tenhas medo

Qualquer que seja a forma de vida a que fores chamado, é importante não ter medo de seguir o chamado de Deus e confiar Nele, pois Ele estará contigo nesta forma especial de vida. Para algumas pessoas o discernimento leva muito tempo, mas quanto mais tempo empregue, tanto mais difícil é tomar uma decisão. Portanto, reconhecer a tua vocação e tomar uma decisão sobre tua forma de vida, requer crer em Deus e confiar em Deus com todas as tuas forças.

Se Deus chama à vida religiosa e se o carisma do nosso Fundador Pe. Francisco Jordan está próximo ao seu coração, te convidamos a se unir a nós e a converter-se em um religioso e/ou padre salvatoriano. As mulheres são bem-vindas a se unir às nossas Irmãs Salvatorianas. Nós estamos a serviço de todos e proclamamos a Jesus como o único Salvador do Mundo.

Se Deus te chama a se casar ou a viver como solteiro e também queres participar ativamente na missão apostólica de nossa Sociedade, te damos as boas-vindas como leiga ou leigo salvatoriano. Desta maneira, podes trabalhar para que Jesus Cristo seja amplamente conhecido e amado como Salvador do Mundo.

Qualquer que seja a forma de vida que escolhas, por favor, reze por nós, pelo nosso apostolado e missão. Reze por nossos irmãos, sacerdotes, irmãs e leigos Salvatorianos para que possamos cumprir com nossa vocação de todo coração. Por favor, reze por nossas vocações à vida religiosa e ao sacerdócio, especialmente por todos os Salvatorianos e Salvatorianas.

Franciscus Jordan

Ai

de mim, Senhor, se eu não te anunciar aos homens e às mulheres!

Salvatorianos no Mundo

Albânia  Alemanha  Austrália  Áustria  Belarus  Bélgica  Brasil  
Camarões  Canadá  Colômbia  Comores Congo  Equador  
Escócia  Eslováquia  Espanha  Estados_Unidos  Filipinas  
Guatemala  Hungria  Índia  Inglaterra  Irlanda  Itália  México  
Moçambique  Montenegro  Polônia  República_Checa  Romênia  
Rússia  Sri_Lanka  Suíça  Suriname  Taiwan  
Tanzânia  Ucrânia  Venezuela